Archive for Abril 2015 | Monthly archive page

posted by on DIY

Porta-talheres comprados prontos são super práticos, mas os que a gente mesmo faz, são muito mais charmosos! Então, aqui vão algumas boas ideias de DIY usando o hit do momento: as “mason jars”. Para quem ainda não entendeu o que é isso, são aqueles vidros de conserva com escrito em alto relevo, muito comuns nos Estados Unidos, mas qualquer vidro de azeitona serve, viu? Para incrementar, veja as inspirações aqui abaixo e boa sorte!

CAMCC-ideiasdeminuto-talheres-01

Imagens: Pinterest

posted by on Guia

Se um dia você pensou que talher era quase tudo igual, acho que vai se assustar com esse post. Ao contrário, se o seu caso é ter loucura por talheres, acho melhor nem seguir adiante… Depois de muitas horas, muitas horas mesmo, vendo e pesquisando sobre talheres disponíveis no mercado, selecionei essas imagens, separando por modelos, estilos e materiais. Agora, mais do que nunca, eu gostaria de saber a sua opinião: qual o seu tipo de talher preferido?

Talheres de aço inox com cabos retos: É meu estilo preferido de talher. Acho chique e contemporâneo. São verdadeiros curingas.

CAMCC-guia-talheresretosCAMCC-guia-talheresretos-01 CAMCC-guia-talheresretos-02

Talheres de aço inox com cabos de gota: Super clássicos. Se você gosta desse estilo, esse é seu tipo de talher! Combina perfeitamente com louças elegantes, mas eu não gosto muito quando combinados com louças mais arrojadas, como pratos quadrados, por exemplo.

CAMCC-guia-talheresgotaCAMCC-guia-talheresgota-01 CAMCC-guia-talheresgota-02

Talheres com cabos trabalhados: São cheios de personalidade, podem deixar a mesa bem estilosa, mas acredito não sejam muito práticos.

CAMCC-guia-talherestrabalhados CAMCC-guia-talherestrabalhados-01 CAMCC-guia-talherestrabalhados-02

Talheres de prata: Podem ser clássicos ou modernos. São lindos, mas exigem um cuidado maior do que os de inox.

CAMCC-guia-talheresprata CAMCC-guia-talheresprata-01 CAMCC-guia-talheresprata-02

Talheres dourados: Já foi breguinha, mas hoje é um sonho de consumo! Eu prefiro aqueles com desenho mais atual e que sejam totalmente dourados, já que alguns vêm com a lâmina da faca prateada. Podem ter acabamento escovado ou brilhante.

CAMCC-guia-talheresdourados CAMCC-guia-talheresdourados-01 CAMCC-guia-talheresdourados-02

Talheres ouro rosa: São esses que me arrancam suspiros ultimamente! Simplesmente ma-ra-vi-lho-sos!

CAMCC-guia-talheresourorosa CAMCC-guia-talheresourorosa-01 CAMCC-guia-talheresourorosa-02

Talheres pretos: São a novidade do momento, tenho visto em várias lojas diferentes no exterior. Ainda não sei se já desembarcaram por aqui.

CAMCC-guia-talherespretosCAMCC-guia-talherespretos-01 CAMCC-guia-talherespretos-02

Talheres com cabos de madeira: O modelo mais tradicional é aquele para churrasco que, para quem adora carne, é um must-have. Ele é ótimo para pizza também. Existem muitos outros modelos (inclusive com materiais que imitam madeira), em diferentes tons, podendo ser mais elegantes ou mais rústicos. A maioria é fácil de combinar e fica muito bem em mesas na varanda ou ao ar livre.

CAMCC-guia-talheresmadeiraCAMCC-guia-talheresmadeira-02 CAMCC-guia-talheresmadeira-01

Talheres com cabos de bambu: Como os de madeira, os talheres com cabos de bambu são bem práticos. Combinam muito com refeições despojadas. Existem cabos de bambu natural, que podem apresentar diferenças na coloração e não serem “perfeitinhos”, mas é justamente isso que dá o charme. Bem mais em conta, talheres com cabos de plástico que imitam bambu podem ser uma opção, mas deve-se ficar atento, pois existem uns muito feios e outros bem feitos, que nem parecem fake. Há ainda, talheres de aço inox com o desenho do bambu, prateado ou dourado.

CAMCC-guia-talheresbambu CAMCC-guia-talheresbambu-01 CAMCC-guia-talheresbambu-02

Talheres com cabos de madrepérola: Os vintage são os mais incríveis. Se um dia você se deparar com uma preciosidade desta em um antiquário, por favor, me avise. Mas existem modelos produzidos hoje tão charmosos quanto os antigos.

CAMCC-guia-talheresmadreperola CAMCC-guia-talheresmadreperola-01 CAMCC-guia-talheresmadreperola-02

Talheres com cabos transparentes: Olha, vou ser sincera, não gosto muito. O cabo transparente dá a sensação que está faltando um pedaço do talher, fica sem peso visual, não sei explicar. E fico pensando que, com o tempo, o acrílico vai ficar todo arranhado… aí me agrada menos ainda. Mas gosto é gosto. Alguns são de acrílico fosco e outros coloridos, esses me desagradam menos.

CAMCC-guia-talherestransparentes CAMCC-guia-talherestransparentes-01 CAMCC-guia-talherestransparentes-02

Talheres com cabos coloridos: Dão um ar descontraído a mesa, mesmo que alguns modelos sejam bem elegantes. O difícil é escolher uma cor. Para quem gostaria de ter várias cores juntas, existem jogos em que cada item vem numa cor diferente.

CAMCC-guia-talherescoloridos-01 CAMCC-guia-talherescoloridos-02 CAMCC-guia-talherescoloridos-03 CAMCC-guia-talherescoloridos-04 CAMCC-guia-talherescoloridos-05

Talheres com cabos estampados: Alguns são super divertidos, outros mais comportados. Ficam muito legais fazendo um mix and match com a louça e a roupa de mesa. Combinam em refeições mais soltas, como o café da manhã.

CAMCC-guia-talheresestampados  CAMCC-guia-talheresestampados-02CAMCC-guia-talheresestampados-01

Talheres com cabos de cores ou estampas neutras: Se você adorou os dali de cima mas fica com medo de ousar, há uma variedade enorme de talheres com cabos estampados ou em tons neutros, como bege, cinza e preto. Tem até em degradê!

CAMCC-guia-talheresneutrosCAMCC-guia-talheresneutros-01 CAMCC-guia-talheresneutros-02

Talheres de outros tons metálicos: Como os pretos, acredito que estejam começando a aparecer. Tem em tom de cobre (um pouco mais forte que o ouro rosa), cor de chocolate e cor de vinho. São bem arrojados.

CAMCC-guia-talheresoutros-04 CAMCC-guia-talheresoutros-03

Talheres com cabo de outros materiais: Acho que listei boa parte do que existe em termo de talheres. Para completar, ficam esses com cabos feitos de ossos, chifres, marfim e tartaruga.

CAMCC-guia-talheresoutros CAMCC-guia-talheresoutros-01 CAMCC-guia-talheresoutros-02

Imagens: Anthropologie, Bloomingdales, Christofle, Crate & Barrel, Neiman Marcus, One Kings Lane, Pinterest, Remodelista, Riva, Roberto Simões, Tania Bulhões, Tok Stok, WMF, Zara Home

posted by on Guia

Você já teve a oportunidade de abrir um faqueiro super-hiper-ultra completo? Daqueles com milhares de peças? E que custam uma fortuna? Eu já! E vou confessar que alguns itens fiquei me perguntando “para que será que serve isso?”. Para a nossa sorte, hoje o mundo está mais prático e muitos talheres específicos estão caindo em desuso. Por exemplo, os talheres de peixe. Já passou pela sua cabeça por que inventaram esses talheres? Sim, houve um motivo. Antes do aço inox, como expliquei no post anterior, as facas eram feitas de aço carbono que, ao menor contato com algo ácido (como limão e vinagre), se tornavam negras e eliminavam um sabor terrível. Ou seja, era um problema comer peixes temperados com limão. Assim, começaram a fazer facas de prata para peixe e para distingui-las das outras, mudaram seu formato, já que o peixe não necessita de ser cortado com serra. O garfo de peixe tem seu formato diferenciado pelo mesmo motivo. Como hoje todos os talheres são de aço inox, os talheres de peixe se tornaram desnecessários ou “uma afetação inútil”, para Bee Wilson, autora do livro Pense no garfo!. Claro que, se você já tem os tais talheres, pode usá-los quando bem entender, só estou dizendo que comprar talheres para peixe talvez não valha a pena.

Bom, mas vamos ao que interessa, conhecer cada talher e saber seu uso adequado!

Facas

Faca de mesa: grande, para refeições em geral.faca-de-mesa

Faca para churrasco ou grelhado: grande, estreita, pontiaguda e afiada.faca-para-churrasco

Faca para peixe: um pouco menor que a de mesa, tem ponta central e lâmina com fio liso.faca-para-peixe

Faca para manteiga: pequena, com ponta arredondada e fio liso.espatula-para-manteiga

Faca de sobremesa: média, para sobremesas ou entradas.faca-para-sobremesa

Garfos

Garfo de mesa: grande, para refeições em geral.garfo-de-mesa

Garfo para peixe: um pouco menor que o de mesa, tem a base mais larga.garfo-para-peixe

Garfo de sobremesa: médio, para sobremesas ou entradas.garfo-para-sobremesa

Garfo para bolo ou torta: pequeno, com três dentes.garfo-para-torta

Colheres

Colher de mesa: grande, para tomar sopa.colher-de-mesa

Colher de sobremesa: média, para sobremesas ou entradas.colher-para-sobremesa

Colher de chá: pequena, para chá e sobremesas servidas em pequenos recipientes.colher-para-cha

Colher de café: pequena. A de café expresso é menor ainda.

colher-para-cafe

Colher para coquetel ou refresco: com cabo extra longo, para copos no estilo long drink.

colher-para-refresco

Outros

Talheres para espaguete: o garfo é comprido, com três dentes e a colher comprida e redonda. A colher serve para apoiar o garfo para enrolar a massa.colher-para-espaguete garfo-para-espaguete

Talheres para bebês e crianças: para os bebês, normalmente o conjunto é de colher e garfo. Em alguns casos, há uma pá e a colher é torta. Para as crianças, o conjunto é formado por garfo, faca e duas colheres.

crianças e bebes   

 Algumas considerações:

  • Excluí aqui os talheres muito específicos que acredito nem terem no Brasil, como os para comer batatas com casca e outros para toranjas. (Sim, isso existe!)
  • Os talheres para servir aparecerão mais para frente, junto das louças para o mesmo fim.
  • As imagens dos talheres aqui apresentadas são da Tramontina, linha Classic (a maioria), linha Maresias (refrescos), linha Berlin (espaguete) e Le Petit (bebês). O conjunto para crianças é da WMF. Todas imagens são dos sites das respectivas marcas.