Archive for junho 2013 | Monthly archive page

posted by on Almoço

Bem ao estilo escandinavo, essa mesa foi montada para o Valentine’s Day por Nina Holst. Ela usou papel de presente para fazer a toalha de mesa cor de rosa e ainda embrulhou pratos e guardanapos com um barbante, finalizando com um envelope de papel kraft com um coração carimbado com uma borboleta. Ficou um charme, não acha? Os prendedores de roupa e as taças foram decoradas com washi tape. De arranjo, galhos secos num vidro. O “you and me” escrito com letrinhas de palavras cruzadas, deu o toque romântico final.

 

 nina-01nina-02 nina-03 nina-04 nina-05 nina-06 nina-07 nina-08 nina-09 via Stylizimo Blog

posted by on Louça da semana

Se tem uma marca que faz a gente acreditar que o mundo pode ser um conto de fadas, é a holandesa PiP Studio. Sua fundadora e designer, Catharina, mais chamada por PIP, desenvolve suas linhas com a seguinte ideia: “Happy Products for Happy People”, ou seja, produtos felizes para pessoas felizes, traduzindo ao pé da letra. E diz que só cria peças tão boas que ela gostaria de ficar elas e, se der para algum amigo ou parente, que elas tragam um pouco de alegria e felicidade para pessoa. Catharina completa que se não tiver emoção, não pode ser um produto da PiP. De fato, tudo de lá faz a gente suspirar, sejam os papéis de parede, os jogos de lençóis e colchas, as almofadas, as toalhas, os pijamas… e as louças, é claro. Tanto, que fica difícil escolher apenas uma, então separamos imagens de várias porcelanas que, mesmo com estampas diferentes, ficam lindas quando usadas juntas. Um sonho, você não acha?

pipstudio-01 pipstudio-02 pipstudio-03 pipstudio-04 pipstudio-05 pipstudio-06 pipstudio-07 pipstudio-08 pipstudio-09 pipstudio-10 pipstudio-11 pipstudio-12 pipstudio-13 pipstudio-14 pipstudio-16 pipstudio-17 pipstudio-18

Imagens: Pinterest

posted by on Jantar

Você sabe como preparar um jantar romântico perfeito? Eu andei pesquisando a respeito e li muita coisa engraçada por aí. Cheguei à conclusão que, claro, como todas as outras coisas na vida, não há fórmula. Mas acredito que a intenção venha em primeiro lugar. Só o fato de você se dispor a preparar uma refeição e pensar com carinho no que outro gostaria, já conta muitos pontos a seu favor. De resto, é só relaxar, organizar tudo do jeito que gosta, cozinhar algo que já esteja acostumado e, lembrar que, se os dois não estiverem totalmente a vontade com a situação, não tem velas nem flores que fazem o clima ficar romântico.

Eu não sou a cozinheira mas, de vez em quando, gosto de me aventurar nas panelas e dia desses, preparei um jantar romântico e moderninho que ficou assim:

CAMCC-romanticomoderno-01

Como minha mesa fica encostada na parede, gosto sempre de arrumar os dois lugares, um em frente ao outro, do lado oposto a ela. Assim, posso enfeitar o fundo com flores mais altas que não atrapalham a conversa.

CAMCC-romanticomoderno-02

Os jogos americanos escolhidos são de tecido, feitos pela arquiteta-designer Claudia Azeredo, que tem um belo trabalho que você pode conhecer mais clicando aqui. Os guardanapos acompanham os jogos. Optei por deixar os talheres apenas de um lado para não esconder o detalhe do mosaico de tecido.

CAMCC-romanticomoderno-06

Para entrada, preparei uma salada grega que servi em travessinhas individuais.

CAMCC-romanticomoderno-04

Acompanhando a salada, coloquei torradas de pão sírio num prato com pé.

CAMCC-romanticomoderno-03

Como prato principal, fiz um salmão grelhado com molho de balsâmico reduzido e arroz selvagem com legumes, receita que aprendi com uma amiga.

CAMCC-romanticomoderno-07

Uma trilha sonora bem selecionada é essencial para acompanhar todo o jantar, aí é só adicionar um bom vinho e velas, que o sucesso já está quase garantido.

CAMCC-romanticomoderno-09

Mas claro que a noite fica melhor quando acaba doce, então sobremesa não pode faltar. Para um namorado que não é muito fã assim de doces, preparei uma mousse de manga com mirtilos frescos.

CAMCC-romanticomoderno-08

Essa foi a minha experiência em preparar um jantar romântico. E você, como gosta de fazer?

(Todas as peças são do acervo pessoal.)